#DiáriodeEstudo – ESPM Curso de Marketing Digital – EAD

Cheguei a passar por uma pós-graduação em Design e Criação Publicitária e não registrei nada aqui…na época era muito cansaço, até porque a pós não era nem na cidade que moro (Maringá/PR), era em Londrina/PR, então passava por mini-viagens durante os finais de semana e quando voltava, a única coisa que pensava era: dormir.

Bom, por mais que tenha feito essa pós, a qual não me arrependo, porque abriu minha cabeça para muita coisa, é engraçado dizer que ela me despertou para o Marketing…é aquele Marketing que tinha começado na PUC e desisti…quando meu prof falou que os marketeiros são os que mandam no mercado mesmo sendo chatos, aquilo acendeu uma pólvora em mim que não sabia que existia…mas o marketing tradicional realmente não me apetece.

Foi graças ao meu amigo João Victor Rosada (também ex-chefe mas ele prefere chamar de parceiro de trabalho) e a sua indicação do livro “Negócios Digitais – Alan Pakes” que me fez criar paixão e decisão: quero fazer parte do Marketing Digital.

O que eu não sabia, é que já fazia parte do Mkt Digital, primeiramente, sendo blogger, mas da onde ia imaginar que os blogs que sempre escrevi por prazer, poderiam ter a possibilidade de se tornar fonte de renda e consequentemente uma área específica de trabalho chamada Marketing de Conteúdo?

Era Digital, a Era onde o conhecimento foi feito para ser exposto e compartilhado.

Engraçado também, que possuo um amigo, o Jackson Oliveira, que já me falava e passava essa filosofia, que é propagada principalmente pelos infoprodutores de conteúdo digital, diria uns 2 ou 3 anos antes, e eu não botava fé. 

Perdão amigo, a pessoinha aqui é desconfiada mesmo.

E o que desconfiança gera? Atraso…

Tanto que desde o ano passado, vejo vagas no mercado, exigindo todo um conhecimento de Mkt Digital, que se tivesse escutado meu amigo, estaria milionária como ele e tantos outros huahuahua

E a minha sede de trabalhar com Mkt Digital, principalmente com Midias Digitais e Marketing de Conteúdo é tão grande…que por mais que Maringá esteja abrindo somente há 1 ano, as portas para esse novo ramo, não estou conseguindo chances que possa exercer essa minha vontade de colocar meu conhecimento em prática.

E por qual motivo? Diploma.

Demorei a entender e querer me adequar que por mais que tenha força de vontade em trabalhar e um papo demonstre conhecimento, nada me fará ter razão a me candidatar a uma vaga almejada e me fixar nela, se não mostrar conhecimento registrado em um papel.

Por esse motivo, e Graças a Deus, a ESPM está oferecendo o curso Série: Business Effectiveness – Marketing Digital EAD, e como disse no primeiro post desse ano, 2017 – Ano de Semear, vou tratar de semear todo o estudo que puder para poder me candidatar com êxito nas vagas desejadas.

Com isso,  pretendo fazer um Diário de Estudo quanto a este curso, para poder registrar o que aprendi e quem sabe possa ajudar as pessoas que não estão fazendo o curso no momento mas pretendem, para terem uma noção de como ele é.

Informações Gerais

▪ Início: 21/03/2017 – Encerramento: 30/11/2017

▪ Carga horária: 132 horas

▪ Encontros online: Terças-feiras no horário das 19:00 às 21:00.

Disciplinas

▪ Disciplina integradora 

▪ Mídia Display 

▪ Marketing para buscadores 

▪ E-mail Marketing 

▪ Produção de Conteúdo Digital

▪ Gestão de relacionamento – CRM

▪ Mídias Sociais 

▪ Finanças aplicadas ao Marketing 

▪ Digital Analytics 

▪ Planejamento estratégico 

▪ Etiqueta corporativa e desenvolvimento profissional 

▪ Tópicos emergentes 

Não é o primeiro curso da área de Marketing Digital que faço na vida…estou bem por dentro dos grandes nomes que trouxeram esse conhecimento ao nosso país, ex: Erico Rocha, Conrado Adolpho, Bruno Picinini, Henrique Carvalho, Camila Porto, Ana Tex, Rafael Rez, etc. 

Mas para o mercado nacional que ainda está se abrindo para isso, é mais visto com bons olhos se você possui o diploma de instituições conhecidas e renomadas como ESPM, FGV, etc.

E sei que só obter o diploma não vai resolver a minha vida, existe uma série de características pessoais que fazem você ver se é apto a encarar uma carreira na área.

Mas das poucas experiências que pude ter e do conhecimento que procuro ter, não tem como não me identificar e querer fazer parte disso.

Só espero que todo conhecimento que for adquirir, possa realmente colocar em prática, porque nada melhor que apenas aprender, é aprender trabalhando.

Mas como Benjamin Franklin já citou…”Investir em Conhecimento sempre rende os Melhores Juros“.

#DiárioDeEstudo – Disciplina Mídia Display – ESPM Marketing Digital – EAD

A disciplina de Mídia Display, realizada pelo profº Fabrizio Bruzetti, que teve inicio no dia 28/03/17 e terminou dia 18/04/17, foram 04 aulas ao todo.

E o que posso trazer sobre ela?

Bom, posso dizer que foi uma disciplina densa…muito conteúdo para a minha cabeça que não é da área de TI e nem de Compras para conseguir assimilar com facilidade, mas em nenhum momento por falta de explicação da parte do professor.

De todo esse conteúdo, trago uma base de conhecimentos que adquiri com as aulas.

Ad Server

Nada mais e nada menos que um servidor que para a publicidade e marketing digital. O Nome “Ad” já é referente a sua função para a publicidade, a qual é rastreada e gerenciada através de métricas relacionadas.

Ad Network

A Ad Network é um inventário, digamos que “diplomata”, ele conecta vários websites e disponibiliza esse espaço para a comercialização de publicidade para as agências e anunciantes, como se fosse um shopping que disponibiliza suas lojas para os proprietários das marcas terem um lugar fixo para estabelecer seus anúncios.

Ad Exchange

Aí vem um sistema bem maior e versátil que o Ad Network, o Ad Exchange que seria como um “leilão” ou vários “leilões”, ele permite a compra e venda de inventário de publicidade da mídia digital a partir de múltiplas Ad Network

Com a ajuda do RTB (Real Time Bidding) que envia informações sobre o usuário que está no app ou página no momento, os lances são feitos na hora, na verdade, em milésimos de segundo.

DSP

Os DSP (Demand-Side Platforms)  são sistemas programados através de operadores por Trading Desks (TDs) – empresas especialistas em compra de mídia digital, que otimizam a compra da mídia, porém, para ter êxito em sua funcionalidade, se necessita o uso de DMP.

DMP

Plataforma que recebe dados de diversas fontes, os processa e transforma em audiência para que as DSP possam alcança-la.

Todos esses elementos citados, compõe a Mídia Programática, o assunto até então estudado em toda essa disciplina, mas afinal o que é, como funciona e por que usar?

A Mídia Programática, é a função programada de comprar e vender mídia através de uma ferramenta ou plataforma, uma forma eficiente e eficaz de levar seu anúncio para o público certo e no momento certo.

E a compra programática não se limita apenas ao RTB (leilão), existem muitas outras formas de compra, como direta, preferência entre ação e inventário, tudo depende do seu objetivo, na verdade, tudo isso reforça o Targeting (objetivos gerais de uma estratégia de comunicação).

Algumas vantagens para a utilização deste passo essencial do Marketing Digital, são:

▪ Elimina a negociação humana entre anunciante e publisher, porém, somente em caso do RTB Open Exchange. No caso do leilão privado ou compra direta por preço fixo há interação e negociação entre o anunciante (agência)e o publisher;

▪ Elimina as inclusões manuais de anúncios;

▪ Poupa tempo no desenvolvimento de novas campanhas específicas;

▪ Pode ser realizada nas plataformas populares Google, Facebook e In Loco Media;

▪ Você decide por quanto está disposto a pagar pelas impressões;

▪ Os consumidores podem ser alcançados de acordo com critérios (gênero, idade, perfil de navegação, intenção de compra, etc);

▪ Com segmentação de público, não ocorre dispersão de anúncios em sites aleatórios;

▪ Através das DSP, é possível controlar o alcance dos anúncios direcionados ao público-alvo e analisar os resultados das campanhas;

▪ O processo é mais barato e eficiente, antes era caro e pouco confiável.

Enfim, com o aumento cada vez maior de usuários na internet, a expectativa do uso de Mídia Programática aumenta cada vez mais, por ser um custo-benefício de maior amplitude.


Essa disciplina apresentou uma das funções de um Analista de Marketing Digital, percebe-se que não é algo fácil de se fazer dentro de muitas outras funções da profissão, porém, acredito que quem já está acostumado, consegue com certeza trabalhar com mais facilidade…mas para quem não quer ser o profissional que engloba todas as funções e quer focar somente em Mídia Programática, a profissão indicada dentro do da área de Marketing Digital é de Analista de Mídias Pagas.

A próxima disciplina para falar aqui é Marketing para Buscadores, e se iniciou dia 25/04/17.

Pedagogia Waldorf – Um Sonho para o meu País!

Aproveitando que hoje é o dia do Professor, este ano descobri FINALMENTE que todo o conceito de Educação que idealizava, que achava válido eu participar como professora, se chama Pedagogia Waldorf, mas para saber mais, assista esse vídeo:

 

Mas enquanto for essa Educação maçante e robótica, que esquecem que criança/adolescente não é uma caixa pra socar conteúdo e muito menos tem que ficar sentada em carteira dentro de 4 paredes, melhor não.

São humanos que temos que formar como seres pensantes, observadores e praticantes no dia-a-dia, pra encarar a vida e o mundo que lhes esperam!

Para quem não sabe, sou formada em Artes Visuais – Licenciatura, e me recuso a ser professora, podem me considerar covarde, mas não consigo aceitar o sistema educacional existente em nosso país, eu sei que se fosse participar, seria praticamente uma Rebelde, porque não consigo ver injustiça e ficar quieta, e como conheço o meio, sei que teria apoio de muitos poucos.

Também acredito que não tenho essa aptidão de ensinar muitos de uma vez só, um grupo pequeno, talvez, mas turmas grande não me apetece, e por ter um gosto por tecnologia, preferi partir para a área de Comunicação Visual.

Mas espero um dia, poder exercer de alguma maneira a minha função para a melhora desse país…por mais Escolas Waldorf! 

Se você se interessa em saber de mais conteúdos sobre a Pedagogia Waldorf, o facebook que encontrei esse maravilhoso vídeo é o Biblioteca Virtual da Antroposofia, vale a pena conferir.

E Feliz Dia para você, mesmo sabendo de toda essa situação calamitosa, consegue acordar todo o dia e encarar de cabeça erguida com a intenção de fazer cidadãos melhores em nosso mundo.

Carta de Mark Manson para o Brasil – Minha Manifestação!

Me compartilharam um vídeo no facebook, que finalmente me deu um gás para colocar pra fora em escrito tudo que sempre observei e pensei sobre a nossa atual realidade e cultura brasileira, assista/ouça esse vídeo:


A Carta de Mark Manson:
http://markmanson.net/brazil_pt

Minha Manifestação

Em muitos pontos eu já pensava e observava o brasileiro que era assim mesmo…agora outros FINALMENTE alguém diz pra eu poder falar que não é só eu que penso assim…

Tem gente que vive indo nas manifestações nas ruas (como se isso fizesse muita diferença) mas adora apontar o dedo da minha cara e me chamar de EGOÍSTA porque saí de casa para crescer e evoluir pessoalmente/profissionalmente, porque “eu não amo a minha família
É claro que amo! Porque tenho vergonha na cara em não querer viver da aposentadoria deles como acontece na realidade atual brasileira, os europeus são frios? Não, é cultura familiar deles de preferir ver os filhos saírem o quanto antes de casa e fazerem sua vida do que serem VASPP e usar a desculpinha de não crescer do “ah, sabe como é, eu não consigo deixar minha família” vou falar aqui algo que nunca falei antes, sua família é consequentemente mais velha que você, e um dia morrerão, após isso, que base você construiu para viver após eles?
E sair de casa não quer dizer que nunca mais os verão, isso é coisa de filme americano!

Quanto ao Brasil, sim, sei de todos os problemas, sei principalmente que a culpa é nossa mesmo por causa de cultura mesmo, como eu digo por aí, mas vai haver os que vão me mal interpretar como racista, etc. Mas brasileiro é a mistura do índio (acomodação) + português (sem-vergonhice), esse País se deu uma melhorada culturalmente foi devido aos outros imigrantes estrangeiros, isso só vai entender quem gosta/estuda/observa História, Cultura e a Realidade…se você dá terra pro índio, ele vira agricultor pelo país? Não, ele só quer viver a vida dele…. O português nos explorou e extraiu mais que tudo, e ainda pagamos por isso, e agora, olha os descendentes dos imigrantes, principalmente no Sul, o cara pode ser dono da empresa, ele tá lá em pé antes das 08h e até depois das 18h, porque? Sangue europeu que o faz ciente que dinheiro não brota do chão, brota de você com sua atitude de fazer sua parte e querer o melhor pra vc, sua família e a sua comunidade! A coisa fica mais séria quando se fala de japoneses, chineses, etc. Eles passam por uma 2ª Guerra Mundial ou até terremoto mas se reerguem tão rápido que estão desenvolvidos ano luz a mais que o Brasil que nunca passou por nada disso…

Tem gente que acha que o Brasil deveria passar por uma ditadura militar, parem com isso, o tempo dos militares já foi, o que eles tiveram que fazer por nós, já fizeram, e mesmo assim, só escuto reclamações de que “ó, fomos judiados” judiados o KCT!!! Pela primeira vez se teve DISCIPLINA no país, e culturalmente brasileiros não gostam disso…

Um dos pontos positivos que achei que ia ver nessa crise é “Será que finalmente o brasileiro vai ter controle financeiro?” Não! O que o brasileiro faz? Muda as prioridades, vou comer menos pra poder comprar aquela roupa, vou arrumar um segundo emprego pq não posso deixar de ostentar…AFF!
Claro que há os que tão trabalhando extra pra poder realmente ter o que comer…(não generalizo).

E voltando lá ao Vaspp com desculpa ao amor a família, vem também com essa de que não consegue trabalho por causa da crise, aí eu volto a citar o que falo por ai: SÓ EXISTE CRISE PRA QUEM NÃO QUER TRABALHAR!
Tá rolando desemprego, tá… mas de quem? Daquele folgado que a empresa cansou de passar a mão na cabeça… Não tem trabalho na sua cidade? Saia desse sofá e vá mudar pra uma cidade geradora de empregos! Quantas vezes eu já falei aqui sobre Maringá ser geradora de empregos (outras cidades também), quando escuto que o povo da minha cidade tá sem emprego, não acredita? Olha aqui o link:

http://www.maringa.com/empregos/

Só escolher! Ah, mas ai é que tá, ainda é capaz de querer ficar escolhendo, mais uma vez a mania de nobreza X necessidade…e esse ciclo triste da realidade brasileira só continua!

Eu concordo totalmente com a carta, brasileiro só vai aprender com a DOR!!!!!! O dia que os Estrangeiros estiverem extremamente necessitados com as nossas riquezas naturais (que o brasileiro não dá valor) e cansar de acordinhos pacificos, aí eu quero ver eles invadirem isso aqui que nem o EUA invadiu o Afeganistão, quero ver vocês sofrerem nas mãos do tão idolatrado estrangeiro (porque os estrangeiro é melhor, pq o país deles é melhor, etc)
Gente, vocês não tem noção do que temos e o de quanto eles não tem mais e querem!
Então, já tive mil motivos pra querer ir pra fora, mas abandonar o barco não é o melhor exemplo pra quem crítica tanto como eu…
Prefiro continuar aqui, batalhar por mim, ajudar sempre quem for necessário (e isso não quer dizer passar a mão na cabeça de vagabundo) mostrar o que faço, falar o que faço, incentivar e esperar que isso sirva de exemplo pra alguém, algum dia.
Porque sei bem o quanto fui abençoada de ter nascido aqui, apesar de tudo, como meu pai diz “não confunda c***** com bunda” ou seja não confunda os brasileiros com o país!

“Seja a mudança que você quer ver no mundo”Mahatma Gandhi

Obrigada pela paciência de ler até aqui, lido a carta e assistido o vídeo, espero que tenha servido de alguma coisa para você!

Por Um Brasil Melhor! Copa 2014 não! #VemPraRua

Essa semana foi A SEMANA HISTÓRICA que nunca pensei que ia presenciar com apenas 24 anos de idade…

Manifestações  que começaram em São Paulo/SP semana passada, devido o aumento de 0,20 centavos na passagem de ônibus publico na capital, mas o motivo não foi principalmente esse, foi o estopim da situação, muitas coisas que acumulavam e que eu ficava indignada por ninguém protestar, e agora estou vendo finalmente isso acontecer e ADORANDO!

Estão rolando vários videos na internet, e o principal deles, que não tem como não gostar ou concordar com o que diz é esse:

Carla Dauden, mostrou uma realidade e falando em inglês, o que é mais interessante porque permite que o mundo inteiro assista e entenda.

Claro que rolou outros vídeos dos nosso vlogueiros nacionais como o Felipe Neto e Rafinha Bastos.

Mas não é só em vlog, a coisa tá rolando mesmo todo dia na internet, principalmente nas redes sociais, em a mais acessada, o facebook.

O movimento para mim se chama “Vem pra rua” porque todos os manifestantes estão fazendo o possível de chamar cada vez mais as pessoas para rua, e esse termo se original da propaganda da Fiat, que começa com o Marcelo Falcão cantando ♪ Vem pra rua…

Não to aqui pra fazer propaganda de marca de carro nenhuma, mas pra registar o contexto e os elementos de tudo isso.

As manifestações estão só aumentando nas cidades pelo país inteiro, com o vandalismo também, infelizmente tem gente que não bate bem da cabeça….

Observei que muitos políticos estão tremendo de medo, e baixaram os preços das passagens muito antes dos manifestos aumentarem, mas aí é q tá, não é só baixar o valor das passagens, é diminuir esses impostos absurdos!

O Brasil é o país que mais paga imposto e que menos recebe uma educação e saúde de qualidade! 🙁

Gostei de ver que até a máscara do Ronaldinho, o Fenômeno, caiu…que pra mim nunca teve nada de fenômeno, eu nunca entendi o que as pessoas viram nele só porque joga uma bolinha.

Aliás, eu nunca curti essa coisa de o Brasil sempre ser visto como o país do futebol, cerveja, carnaval, putaria, etc. Darem milhões em um salário para um jogador de futebol, gloriar só por chutar uma bola, sendo que os atletas das Olimpíadas fazem muito mais por muito menos…(mas isso é outra estória).

E não falo tudo isso por causa do momento, sempre tive muitas opiniões que manifestava para mim e para outros que quisessem ouvir, e sempre quis ver o povo marchando na rua contra o governo, o problema era mobilizar eles para isso.

Mas aquela situação, só aprendem, sofrendo…tiveram que sentir na pele para se revoltar.

A Presidente Dilma fez um pronunciamento na sexta-feira (21/06/13) sobre a situação, o que não teve uma boa repercussão.

Só espero que ninguém se acomode enquanto não houver realmente soluções apresentadas.

AVISO: Espero que não seja perseguida pelo governo após publicar isso, e se eu sumir, já sabem por que hahahha =X

Mas acho que todos temos direito de expressar o que pensamos, eu não estou matando, estuprando, drogando e qualquer outra coisa do gênero que possa ser considerado crime, sou uma apenas uma brasileira que quero e apoio um futuro melhor para o nosso país e a nossa população!

Iniciando a minha primeira especialização! Marketing PUC-PR

Vim para Maringá/PR para fazer especialização em Mídias Digitais na Cesumar, mas não fechou turma, então tive que procurar outras opções na área de Comunicação, a qual, tinha muito desejo de realizar.

Surgiram as opções de fazer MBA em Marketing na Cesumar e especialização em Marketing na PUC, a diferença das duas é que, a Cesumar já tinha começado há semanas e é durante á noite na quarta e quinta-feira, e a da PUC, eu pude acompanhar desde o primeiro dia, e é todos os sábado de manhã e a tarde, o que compensa mais para mim, para arrumar um emprego durante a semana e fazer cursinhos profissionalizantes.

Mesmo assim, experimentei de ir na Cesumar e depois na PUC, ver como são as aulas e tals. Por mais que tenha gostado da Cesumar, senti que era como meu amigo disse: “MBA é mais para tirar dúvidas, lá só vai quem já trabalha há um tempo no ramo”, e frequentando as aulas da PUC, senti que era algo desde o inicio, mesmo para quem nunca trabalhou na área.

Fiquei receosa muito antes disso, de pensar se deveria mesmo ou não fazer Marketing, ainda mais que sou formada em Artes Visuais (muito haver né?). Consultei muitas pessoas, entre amigos e profissionais de Comunicação que conheci em Campo Grande/MS. Como também conversei com os coordenadores do cursos, e ainda assim fiquei na dúvida, mas tinha que ver as aulas para crer.

O que muitos não sabem, é que desde pequena queria ser empresária, dizia isso pra mim mesma sempre, mas eu acabei não fazendo ADM de empresas, por ser péssima em cálculo, e achava que poderia ter muito cálculo na faculdade. Não me arrependo de ter feito Artes, aliás, era algo que nem imaginava que ia fazer e amo demais. Graças a faculdade, descobri a área de Design e Comunicação Visual, e minha meta é abrir futuramente uma empresa no ramo. Estou começando através dos meus blogs, e quem sabe consigo após muitos estudos e trabalho né?

Bom, o que posso dizer é que estou amando fazer especialização em Marketing na PUC, estamos tendo o módulo de Estratégia Empresarial, e vamos entrevistar empresários do Shopping Catuaí para entender como funciona a estrutura e gestão de uma empresa.

Pretendo sempre atualizar o blog quanto a especialização, porque é uma felicidade que quero muito compartilhar!